Ok

By continuing your visit to this site, you accept the use of cookies. These ensure the smooth running of our services. Learn more.

19-08-2013

sempre agosto.

duas estacas, um ponto morto. um recanto regado e flores à janela. haverá coisa mais bela? que o amanhecer. ou madrugada despida. tarde de flores vestida. e as cores do céu. mais o sol. e um rol de ideias que vêm à cabeça. que todos os dias amanheça. que a sagração aconteça. e eu ao teu lado. relativamente acordado. um corpo de barro, um réu. de duas estacas e o céu. e a caixa de velocidades do carro.